domingo, 21 de maio de 2017

As entidades do campo da Educação e o Fórum Nacional: questões atuais

Tipo: Mesa Redonda
Data: 24/05/2017 - 14:00 a 18:00
Período de inscrições: 16/05/2017 - 16:00 a 24/05/2017 - 12:00
Local: Salão Nobre (Prédio Principal, 1º andar, Bloco E)
Convidados:
  • Profa. Helena Freitas (Anfope)
  • Prof. Pedro Ganzeli (Anpae)
  • Profa. Theresa Adrião (Anped)
  • Profa. Ivany Pino (CEDES)
  • Profa. Dirce Zan (Forumdir)
Responsáveis:
Profa. Dra. Dirce Zan, Profa. Dra. Débora Mazza

Realização:
Faculdade de Educação - Unicamp, CEDES - Centro de Estudos, Educação e Sociedade
Apoio:
Secretaria de Eventos da Faculdade de Educação - Unicamp
Esse evento tem como objetivo apresentar e debater as posições das principais entidades da área educacional em nosso país diante das ações recentes do governo federal no que se refere, especialmente, à reconfiguração do Fórum Nacional da Educação e à perspectiva de realização da CONAE em 2018. 

sábado, 20 de maio de 2017

Versos infantis de João Köpke ganham primeira edição após 120 anos inéditos


Após permanecer inédita por cerca de 120 anos, a obra “Versos para os pequeninos”, escrita pelo educador João Köpke (1852-1926), ganhou neste ano a sua primeira edição.
Em um esforço que reuniu a pedagoga Maria Lygia Köpke Santos, bisneta do autor, a pesquisadora e professora Norma Ferreira, da Faculdade de Educação da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), e a Fapesp, a obra ganhou uma edição on-line fac-similar, que pode ser lida no link goo.gl/gQv6FL.
A obra disponibilizada virtualmente é a reprodução visual das 54 páginas de um caderno, escrito provavelmente entre 1886 e 1897 e que permanecia sob os cuidados da família do autor. Foi seu filho, Winckelmann Köpke (1886-1951), quem inicialmente guardou o original, composto de 24 poemas infantis manuscritos, todos organizados em sequência e acompanhados de diferentes ilustrações, sempre estampadas em páginas à esquerda — os poemas ficam à direita, e cada um apresenta uma diferente disposição de traçados, das estrofes e das letras.
Köpke escreveu a obra assim que se mudou de São Paulo para o Rio, em 1886, época em que criou o Instituto Henrique Köpke, uma escola particular e, também, uma plataforma editorial pela qual ele lançava seus próprios livros de alfabetização e de leituras para crianças.
De acordo com a pesquisadora, a obra acabou não sendo publicada por apresentar uma perspectiva pedagógica que destoava “das propostas pedagógicas e da visão sobre criança predominantes no final do século XIX”, diz Norma, que analisou a obra em sua tese “Versos para os pequeninos, de João Köpke: estudo sobre um manuscrito inédito”.

Para ela, “Versos...” guarda atributos, como a irreverência e a linguagem popular, que o tornam peculiar, e um trabalho que se distingue da própria produção de Köpke à época, elaborada para atender à demanda do mercado editorial e do cenário intelectual e educacional do final do século XIX.
— A importância de se publicar o material se deve à singularidade do que ele apresenta. Diferentemente dos autores da época, Köpke não cria histórias para ensinar às crianças bons comportamentos, a serem educadas, limpinhas, religiosas, piedosas e humildes — afirma Norma. — São poemas bastante inventivos, em que ele brinca com a língua, com aspectos lúdicos, em vez de criar lições de moral.
Em poemas como “A lição”, por exemplo, o autor zomba dos métodos de alfabetização legitimados com os versos: “Venha a lição:/ Repitam todos./ Amollação!”.



 

POR 


sexta-feira, 19 de maio de 2017

Feminismos: experiencias práticas

Tipo: Mesa Redonda
Data: 29/05/2017 - 19:00 a 23:00
Período de inscrições: 18/05/2017 - 08:00 a 29/05/2017 - 23:00
Local: Congregação (Prédio Principal, Térreo, Bloco E)
Convidados:
  • Banda Clandestinas
  • Betania Santos (Associação Mulheres Guerreiras de Trabalhadoras do Sexo)
  • Cibele Cristiane Rodrigues (Frente de Mulheres Negras)
  • Suzi (Movimento LGBTT)
  • Raquel Ribeiro Pavão Köberle ( Movimento de doulas e humanização do parto)
  • Maria Lúcia Quirino de Castro (Grupo Aos Brados Campinas/ Frente de Mulheres Negras/Jongo Dito Ribeiro)
  • Marta Baião (Centro de Informação Mulher - CIM)
  • Amelinha Teles (Professora Visitante FE-Unicamp)
Responsáveis:
Profa. Dra. Ana Lúcia Goulart de Faria (FE-Unicamp)
Realização:
Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação e Diferenciação Sociocultural (GEPEDISC- Linha culturas infantis/FE-Unicamp)
Apoio:
Pro-Reitoria de Graduação (PRG), Coordenação do Curso de Pedagogia (FE-Unicamp)

sexta-feira, 12 de maio de 2017

VII Seminário Conexões Deleuze e Cosmospolíticas e Ecologias Radicais e Nova Terra e…

Tipo: Seminário
Data: 27/11/2017 - 10:36 a 29/11/2017 - 10:36
Local: Centro de Convenções da Unicamp
Responsáveis:
Realização:
Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor) e Faculdade de Educação da Unicamp
Apoio: CNPq e Faepex/Unicamp
Apresentação
Presentation
Temos o prazer de anunciar que o Seminário Conexões chega a sua sétima edição. Desde 2009 o evento propõe proliferações com o pensamento do filósofo Gilles Deleuze em interseções as mais inusitadas. Este ano o Conexões pretende se jogar em experimentações a partir do conceito de Deleuze e Guattari de Nova Terra. Acreditamos que a infindável procura por uma nova imagem do pensamento é sempre a procura por uma Nova Terra, por povoar uma e outra vez, por fazer diferir a mecanosfera que não para de afirmar seu des-fundamento como potência criadora e onde uma constelação de conceitos outros emerge e estes fazem contato dando consistência a possíveis e impensadas Cosmopolíticas e Ecologias Radicais. O que pode o humano nos seus devires em tempos de catástrofe? É talvez a pergunta que tem nos des-orientado no pensamento com as mudanças climáticas na Revista ClimaCom e que nos instiga a querer fazer deste VII Seminário um experimento em estar junto onde modos e lógicas de pensamento as mais díspares e aberrantes façam funcionar o pensamento de Deleuze e Guattari, na vontade de farejar faíscas dos modos como essa Nova Terra, suas Cosmopolíticas e Ecologias Radicais, podem aparecer e …
We are pleased to announce that the “Seminário Conexões” reaches its seventh edition. Since 2009 the conference has proposed proliferations with the thought of the philosopher Gilles Deleuze in unusual intersections. This year “Conexões” intends to throw itself into experimentations unfolded from Deleuze’s and Guattari’s concept of a New Earth. We believe that the ceaseless pursuit of a new image of thought is always the search for a New Earth, to inhabit over and over again, to make differ the mechanosphere that does not stop affirming its un-foundation as a creative potency and where a constellation of other concepts emerges and these make contact giving consistency to possible and unthought Cosmopolitics and Radical Ecologies. What can the human in their becomings in times of catastrophe? It is perhaps the question that has dis-oriented us in the thinking with climate change at ClimaCom Magazine and that encourages us to make this “VII Seminário” an experiment of being together in which the most disparate and aberrant modes and logics of thinking operate Deleuze’s and Guattari’s thoughts, in the will to note the sparks of the ways in which this New Earth, its Cosmopolitics and Radical Ecologies, can appear and…

terça-feira, 9 de maio de 2017

I Seminário de Estudos e Pesquisa: Família de Professores

Tipo: Seminário
Data: 20/06/2017 - 14:00 a 17:30
Período de inscrições: 27/04/2017 - 08:00 a 19/06/2017 - 23:00
Local: Congregação (Prédio Principal, Térreo, Bloco E)
Responsáveis: Profa. Dra. Maria do Carmo Martins (MEMÓRIA/FE-Unicamp)
Realização: Grupo de Pesquisa Memória, História e Educação (MEMÓRIA/FE-Unicamp)

Apresentação

O I Seminário “Família de Professores: acervos, biografias e articulação política” foi organizado como parte das atividades acadêmicas do Grupo de Pesquisa Memória, História e Educação, com apoio da linha de Pesquisa Educação e História Cultural e do Centro de Memória da Educação da Unicamp.
Nele, propomos o diálogo com as pesquisas em desenvolvimento no Grupo Memória, História e Educação, cujas temáticas abarcam três educadores da família Mello e Souza, os irmãos Júlio Cesar (Malba Tahan), João Baptista (J. Meluza) e José Carlos, problematizando suas concepções de educação, expressas em suas obras acadêmicas e literárias, suas participações em processos de formação de professores e suas atuações em cargos de assessoria a políticas de Estado.
Deste modo, não apenas colocamos em circulação e buscamos articulação entre as diferentes pesquisas em andamento, como ampliamos os debates teóricos e metodológicos sobre sujeitos, percebendo-os em sua historicidade e interpretando suas ações na perspectiva das práticas sociais, com uma abordagem sensível às suas redes de relações.

Programação

14h - Abertura
Prof. Dra. Maria do Carmo Martins - Coordenadora do Grupo Memória, história e Educação
Prof. Dr. André Luiz Paulilo – Coordenador da Linha de Pesquisa Educação e História Cultural;
Prof.Dr. Alexandro Henrique Paixão – Coordenação do Centro de Memória da Educação
14:20h  Apresentação de Pesquisas e Debates
Coordenação Prof. Dr. Arnaldo Pinto Junior
“Redes de contato em acervos pessoais: o caso do arquivo de Júlio César de Mello e Souza”
Claudiana dos Reis de Souza Moraes
“As representações da docência na obra de Julio César de Mello e Souza”
Leandro Piazzon
 "João Baptista de Mello e Souza: memórias de um professor de História"
Sônia Maria da Silva Gabriel
“J. B. Mello e Souza: Ensino de História e a Reforma Curricular de 1952"
Prof. Dr. Halferd Carlos Ribeiro Junior
17h - “José Carlos de Mello e Souza: uma biografia eloquente”
Profa. Dra. Maria do Carmo Martins

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Pressupostos gramscianos da Pedagogia Histórico-Crítica

Tipo: Conferência
Data: 30/05/2017 - 09:00 a 12:00
Período de inscrições: 18/04/2017 - 08:00 a 29/05/2017 - 23:00
Local: Salão Nobre na FE - Unicamp
Convidados:
  • Prof. Dr. Dermeval Saviani
Responsáveis:
Prof. Dr. Renê José Trentin Silveira
Realização:
Departamento de Filosofia e História da Educação (DEFHE)

domingo, 7 de maio de 2017

II Seminário de Educação Integral


Tipo: Seminário
Data: 06/07/2017 - 08:30 a 18:00
Período de inscrições: 01/05/2017 - 09:00 a 30/05/2017 - 17:00
Local: Centro de Convenções da Unicamp
Responsáveis:
Realização:
Comitê Metropolitano de Educação Integral da Região Metropolitana de Campinas (RMC) e Faculdade de Educação da Unicamp


Histórico

No ano de 2016 realizou-se o I Seminário de Educação Integral, na cidade de Vinhedo/SP, numa iniciativa do Comitê Metropolitano de Educação Integral da RMC, em parceria com o Comitê Territorial de Educação Integral do Estado de São Paulo, objetivando estabelecer o diálogo e a troca de experiências, a reflexão sobre os avanços, dificuldades e desafios da Política Nacional de Educação Integral, problematizando a relação entre o Estado, a Sociedade, a Escola e a formação dos Educadores em relação às práticas e aos processos educativos. Foi também missão deste evento – organizado em parceria por dois dos colegiados existentes no Estado de São Paulo, mediante o princípio da GESTÃO COLEGIADA EM REDE – contribuir para a melhoria da qualidade da Educação Básica no Estado de São Paulo. É relevante e oportuno, neste contexto, manter no debate contemporâneo os projetos, os planos, as ações, os programas e as políticas vinculadas com as propostas político-pedagógicas de Educação Integral nos diversos Estados brasileiros, numa proposta de fortificação nacional na construção de uma educação pública de qualidade, tendo o enfoque da vigência da integralidade na Educação.
Assim, o II Seminário de Educação Integral a se realizar em 2017, conjuntamente entre o Comitê Metropolitano de Educação Integral da Região Metropolitana de Campinas e a Faculdade de Educação da UNICAMP, visa estabelecer análises e reflexões envolvendo:
  • As perspectivas, continuidades e rupturas no campo da Educação Integral;
  • As suas concepções e práticas;
  • As políticas públicas implantadas visando a vigência da meta 06 do Plano Nacional de Educação.

 

Programação

O evento acontecerá no dia 06 de julho de 2017 na Universidade Estadual de Campinas.
Centro de Convenções/UNICAMP
08:30 – 09:00 Credenciamento/ Coffee Break
09:00 – 09:30 Abertura Oficial
Reitoria, Diretoria FE, CPFP e  Comitê Metropolitano da RMC
09:30 – 12:30 Mesa- redonda
Jaqueline Moll – Professora Doutora da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) foi diretora de Currículos e Educação Integral da Secretaria de Educação
Básica no MEC de 2007 a 2013.
Claudia Cristina Pinto Santos – Professora Mestre da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) e membro atuante do Comitê Baiano de Educação Integral.
Glauce Keli Oliveira da Cruz Gouveia – Professora da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), membro da Fundação Joaquim Nabuco (FUNDAJ) e membro atuante do Comitê Territorial de Educação Integral de Pernambuco
12:30 – 13:30 Intervalo para Almoço
Faculdade de Educação/FE UNICAMP
13:30 – 14:30 Caminhada pelo setor de Pôster
14:30 – 17:00 Apresentação de relatos de reflexões e experiências
17:00 – 17:30 Atividade Cultural
18:00 Sessão de Encerramento


Inscrições

As inscrições, no valor de R$ 40,00 via depósito:

Bradesco
Agência 2748
Conta Corrente 24706 Dig. 5
Tatiane Costa Corrêa 251.876.128-40
PRAZO DA INSCRIÇÃO DE TRABALHOS
01/Abril/2017 às 9h00 até 31/maio/2017 às 17h00
PRAZO DA INSCRIÇÃO DE PARTICIPAÇÃO
01/maio/2017 às 09h00 até 30/maio/2017 às 17h00

 

Apresentação de Trabalhos

EIXOS TEMÁTICOS
  • Acompanhamento Pedagógico
  • Expressão Corporal, Linguística e Visual
  • Práticas Esportivas
  • Educação Ambiental e Sustentabilidade
  • Cidadania e Direitos Humanos
Informações:  2017seminariormc@gmail.com
1. Os trabalhos devem ser encaminhados para o endereço eletrônico: 2017seminariormc@gmail.com
2. Data de envio de trabalho de 01/04/2016 a 31/05/2016.
3. Somente serão aceitos trabalhos cujos autores estejam previamente inscritos e com a taxa de inscrição paga.
4. O certificado é condicionado à presença do(s) participantes(s) e será enviado por e-mail.
5. Será aceito apenas um trabalho na condição de autor e outro como co-autor por participante.
CATEGORIAS DOS TRABALHOS
1. COMUNICAÇÕES
Apresentação de relatos de reflexões e de experiências (concluídas ou em andamento) relacionadas com a concepções e práticas de Educação Integral.
Especificações
a) Texto entre 15 a 30 mil caracteres com espaço; contendo: Título; Nome do autor com sigla da Instituição; Nome(s) do coautor(es) com sigla da(s) instituição(es) e Agência ou Instituição Financiadora (quando houver);
b) Sugere-se que o texto apresente introdução, referencial prático e teórico, objetivos, metodologia, desenvolvimento e resultados;
c) Formatação: Papel A4; Margem superior e inferior com 2,5 cm; Margem esquerda e direita com 3,0 cm; Fonte: Times New Roman, tamanho 12 (corpo texto); Título em maiúscula, negrito, com alinhamento centralizado; Espaçamento entre linhas: 1,5; Alinhamento: justificado;
d) Tabelas, imagens, quadros, notas de rodapé e anexos deverão constar do corpo do texto;
2. PÔSTERES
Mostra de Pôsteres com relatos de reflexões e de experiências (concluídas ou em andamento) relacionadas com a concepções e práticas de Educação Integral.
Especificações
a) Texto entre 8 e 15 mil caracteres com espaço; contendo: Título; Nome do autor com sigla da Instituição; Nome (s) do coautor(es) com sigla da(s) instituição(es) e Agência ou Instituição Financiadora (quando houver);
b) Sugere-se que o texto apresente introdução, referencial prático e teórico, objetivos, metodologia, desenvolvimento e resultados;
c) Formatação: Papel A4; Margem superior e inferior com 2,5 cm; Margem esquerda e direita com 3,0 cm; Fonte: Times New Roman, tamanho 12 (corpo texto); Título em maiúscula, negrito, com alinhamento centralizado; Espaçamento entre linhas: 1,5; Alinhamento: justificado;
Padronização do pôster para apresentação
a) Dimensões 0,90 m x 1,20 m com orientação retrato, preferencialmente;
b) Combinar textos, gráficos, imagens, etc;
c) Um dos autores deve estar presente para apresentar o trabalho.

sábado, 6 de maio de 2017

III Semana de Educação Matemática e III Malbatemática


Tipo: Semana
Data: 02/05/2017 - 08:00 a 12/05/2017 - 22:00
Local: Salão Nobre (Prédio Principal, 1º andar, Bloco E)
Responsáveis: Prof. Dr. Sergio Lorenzato (GEPEMAI/FE-Unicamp)
Realização: Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação Matemática nos/dos Anos Iniciais (GEPEMAI)
Apoio: Biblioteca Prof. Joel Martins (FE-Unicamp), Centro de Memória em Educação (FE-Unicamp), Editora Record, Prefeitura Municipal de Campinas

Apresentação

O Dia Nacional da Matemática, celebrado em 6 de maio, faz referência ao dia do nascimento do professor Julio Cesar de Mello e Souza, mais conhecido pelo seu pseudônimo, Malba Tahan. Ele publicou cerca de 125 livros, sendo mais de 70 obras direcionadas ao ensino de Matemática, entre elas “O Homem que Calculava” e “Didática da Matemática”. Nelas, os professores podem encontrar muitas ideias e propostas para tornar o ensino da Matemática compreensível, curioso, pitoresco e divertido para os alunos.
Em homenagem a Malba Tahan, considerado um precursor da Educação Matemática brasileira, o dia 6 de maio foi proposto pela Sociedade Brasileira de Educação Matemática e institucionalizado como Dia Nacional da Matemática, conforme Lei 12 835 (D.O.U. 26/06/2013).
Para comemorar a data, serão realizadas de 02 a 12 de maio de 2017 a III SEMANA DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA E A III MALBATEMÁTICA, sob a coordenação do Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação Matemática nos/dos Anos Iniciais – GEPEMAI e com o apoio do Centro de Memória da Educação, ambos da Faculdade de Educação da UNICAMP; com a participação da ONG Ecobrinquedoteca do Parque Ecológico, do Curso de Matemática da PUCCAMP e apoio do Museu Dinâmico de Ciências de Campinas (Prefeitura Municipal de Campinas) e Museu Exploratório de Ciências da Unicamp.
Estão previstas várias atividades (PALESTRAS; MESA REDONDA; EXPOSIÇÃO SOBRE MALBA TAHAN; OFICINAS SOBRE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA) que ocorrerão no período de 02 a 12 de maio, em diversos espaços: na Faculdade de Educação da UNICAMP; no Museu Dinâmico de Ciências de Campinas, localizado na Lagoa do Taquaral; e na ONG Ecobrinquedoteca do Parque, instalada no prédio do Instituto Biológico, dentro do Parque Ecológico.

Programação


III MALBATEMÁTICA
Exposição sobre Malba Tahan, trazendo o tema “O legado educacional do mestre Malba Tahan”, com o objetivo de mostrar a atualidade das lições do mestre. Serão mesas expositoras com mostra de objetos, obras, cadernos e materiais pertencentes a Mello e Souza, além da mostra digital.  
Local: Saguão da Biblioteca Joel Martins (FE-Unicamp)
Período: de 02 a 12 de maio
PALESTRAS E MESA REDONDA
Local: Salão Nobre (1º andar, bloco E)
04 de maio de 2017
15h30 - Palestra: O acervo de Malba Tahan (pelo Prof. Dr. André Paulilo)
19h30 - Palestra: O lado menos conhecido da obra de Malba Tahan - a Didática da Matemática (pelo Prof. Dr. Antonio José Lopes Bigode) 
05 de maio de 2017
15h30 - Mesa redonda: A vida de Malba Tahan. Participantes: André Pereira Neto; Carla Mello e Souza; Renata de Faria Pereira (netos de Malba Tahan).
19h30 - Palestra: Histórias do homem que calculava (pelo Prof. Dr. Sergio Lorenzato)

Atividades no Museu Dinâmico de Ciências de Campinas e ONG Ecobrinquedoteca do Parque - 02 a 07 de maio de 2017

Serão oferecidas 13 oficinas sobre Educação Matemática, destinadas a professores e alunos do Ensino Fundamental I e II das escolas de Campinas e região, e alunos do ensino superior. Além das oficinas, estarão abertas durante o período do evento, a Exposição “Energia que Move” e o “Planetário” (ambas na Lagoa do Taquaral). 

sexta-feira, 5 de maio de 2017

III Seminário Luso-Brasileiro de Educação Infantil - Políticas, Direitos e Pedagogias das Infâncias



Maceió, Universidade Federal de Alagoas 3 a 5 de julho de 2017
Submissão de trabalhos até 18 de maio de 2017.
Informações: www.slbei.com
O Seminário inclui conferências de abertura e de encerramento, mesas redondas, apresentação de trabalhos de investigação ou relatos de práticas (nas formas de comunicação oral e poster ) e lançamento de livros. O evento contará ainda com oficinas de formação e de investigação participativa em contextos de Educação de Infância; um conjunto de atividades culturais, especialmente de e para crianças; e uma programação social, com o jantar do congresso (por adesão).
As propostas de trabalhos podem ser feitas em duas modalidades - trabalhos de investigação e relatos de práticas – no formato de comunicação ou poster, de acordo com as normas do evento.
São os seguintes os eixos temáticos:
1 - Formação docente e pedagogias emancipatórias para as infâncias;
2 - Políticas públicas para a Educação Infantil;
3 - Direito da criança as diferenças;
4 - Direito da criança a participar das pesquisas;
5 - Direito da criança a brincadeira;
6 - Direito da criança as artes;

quarta-feira, 26 de abril de 2017

I Encontro Internacional da Rede Escola Pública e Universidade | Reformas de Ensino e Movimentos de Resistência: diálogos entre Brasil e América Latina


Tipo: Encontro
Data: 16/05/2017 - 08:00 a 17/05/2017 - 18:00
Período de inscrições: 08/02/2017 - 08:00 a 13/05/2017 - 23:00
Local: Universidade Federal do ABC - Campus Santo André
Responsáveis:
Realização:
Universidade Federal do ABC (UFABC), Rede Escola Pública e Universidade e Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da UFABC

Apoio:
Faculdade de Educação da Unicamp
O encontro vai debater as políticas públicas para a Educação e os movimentos de resistência frente às reformas educacionais mais recentes. Será um espaço de diálogo reunindo, pesquisadores, professores, estudantes e familiares que acreditam na articulação entre a investigação científica e a atuação social comprometida, ideia que está na base da criação da Rede Escola Pública e Universidade (REPU).
A construção de uma educação mais humana e socialmente relevante deve ser resultado da práxis (relação teoria e prática) e da participação democrática de todos. Esta concepção implica contrapor-se às políticas que tratam a educação como mercadoria e são elaboradas numa lógica gerencialista por técnicos distanciados do cotidiano escolar.
Assim, o evento convida a apresentarem suas pesquisas/vivencias/relatos/vídeos os secundaristas que ocuparam suas escolas, os pesquisadores com ou sem vínculo institucional, os professores, coordenadores, diretores e funcionários de escola, tanto no ensino básico como no superior, familiares que acompanham e fortalecem a luta dos estudantes e professores, todos que direta ou indiretamente  atuam na defesa da educação pública. 
A escola é nossa!

terça-feira, 25 de abril de 2017

Ciclo de Oficinas Educação em Múltiplas Linguagens | Infância, literatura e geografia

Tipo: Oficina
Data: 12/05/2017 - 19:00 a 22:00
Local: ED06 (Anexo I)
Convidados:
  • Jader Janer Lopes
Responsáveis:
Realização:
Comissão de Estágios da FE-Unicamp e Coordenação de Graduação da FE-Unicamp
Apoio:
FAEPEX e Conexão Cultural

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Palestra - O que é um clássico: algumas considerações

Tipo: Palestra
Data: 11/05/2017 - 19:30 a 22:30
Local: Sala da Congregação da FE
Convidados:
  • Prof. Dr. Roberto Goto
Responsáveis:
Realização:
DEFHE - Departamento de Filosofia e História da Educação

domingo, 23 de abril de 2017

Ciclo de Oficinas Educação em Múltiplas Linguagens | Narrativas, cantos, danças do Toré

Tipo: Oficina
Data: 09/05/2017 - 19:30 a 22:30
Local: Gramado em frente ao Anexo I
Convidados:
  • Sabuká Kariri-Xocó
Responsáveis:
Realização:
Comissão de Estágios da FE-Unicamp e Coordenação de Graduação da FE-Unicamp
Apoio:
FAEPEX e Conexão Cultural
Em caso de chuva, a atividae será transferida para o Salão Nobre da FE-Unicamp

sábado, 22 de abril de 2017

Seminário do Curso de Pedagogia

Tipo: Seminário
Data: 08/05/2017 - 09:00 a 09/05/2017 - 19:00
Período de inscrições: 19/04/2017 - 08:00 a 07/05/2017 - 23:00
Local: Salão Nobre (1º andar, bloco E)
Responsáveis: Profa. Dra. Debora Cristina Jeffrey (FE-Unicamp), Profa. Dra. Ana Eliza Spaolonzi de Assis (FE-Unicamp)
Realização: Coordenação do Curso de Pedagogia da FE-Unicamp

Programação

08/05/2017 – segunda-feira
9h às 10h – Apresentação: Síntese sobre Organização, Estrutura e novas demandas do curso de Licenciatura em Pedagogia da FE / Unicamp (Comissão de Graduação / FE)
10h às 12h – GTs eixos de análise 
- Eixo 1 - Princípios e diretrizes do Curso de Licenciatura em Pedagogia da FE/Unicamp
- Eixo 2 – Gestão do Projeto Político Pedagógico do Curso de Licenciatura em Pedagogia da FE/Unicamp
Coordenação: Profa. Ana Elisa Spaolonzi, Profa. Débora Jeffrey, Profa. Alik Wunder e Profa. Fabiana Rodrigues
12h às 14h – intervalo
14h às 18h – Mesa Redonda e debate: “Princípios e Diretrizes dos Cursos de Licenciatura em Pedagogia”
Prof. Luiz Dourado / CNE
Profa. Bernadete Gatti / CEE-SP
18h às 19h - intervalo
19h às 22 h – Mesa Redonda e debate: “Gestão do Projeto Político Pedagógico do Curso de Licenciatura em Pedagogia da FE/Unicamp”
Profa. Maria do Carmo Martins
Profa. Angela Soligo
Profa. Maria Márcia Malavasi
Profa. Dirce Djanira Pacheco e Zan

09/05/2017, terça-feira

9h às 12h – GTs eixos de análise
- Eixo 3 – Organização, Estrutura e Novas Demandas do Curso de Licenciatura em Pedagogia da FE/Unicamp
Coordenação: Prof. Pedro Ganzeli e Profa Gabriela Tebet, Profa. Alik Wunder
12h às 14h – intervalo
14h às 15h30 – Apresentação dos relatores: GT eixos de análise
15h30 às 18h – Debate: Propostas e demandas para o Curso de Pedagogia
Apresentação da problematização dos Departamentos (chefes ou indicados) e Movimento Estudantil.
17h às 18h30 – Encaminhamentos (Comissão de Graduação)
19h – Encerramento: "Roda de Conversa e Toré com grupo Sabuká Kariri-Xocó"
Ciclo de oficina Educação em Múltiplas Linguagens (Gramado do Anexo I).