domingo, 26 de março de 2017

Os precursores de Lobato

Segue informações sobre uma reportagem que saiu no último número da Revista da Fapesp.
Trata-se da matéria intitulada "Os precursores de Lobato”, disponível on-line:
http://revistapesquisa.fapesp. br/2017/03/16/os-precursores- de-lobato/
A reportagem gerou dois trabalhos realizados em parceria FE/Unicamp e Revista/Fapeps: a edição fac-similar do manuscrito “Versos para os pequeninos”, de autoria de João Köpke, permitindo que tal obra chegue aos leitores depois de 120 anos, sob guarda da família Köpke.
​​
http://revistapesquisa.fapesp. br/wp-content/uploads/2017/03/ kopcke-facsimile-1.pdf?f1fdf2
Também por iniciativa da revista Fapesp foi realizado um video com apresentação comentada da obra.
O vídeo como a edição fac-similar podem ser acessados também nos links da reportagem.

sábado, 25 de março de 2017

III Jornadas Internacionais de Alfabetização & II Jornadas de Leitura, Escrita e Sucesso Escolar

Instituto de Educação - Universidade do Minho - Portugal

Dias 04 e 05 de setembro de 2017

Submissão de trabalhos até 03/04/17

sexta-feira, 24 de março de 2017

I Encontro Mídias, Infâncias e Diferenças: audiências e agências em foco.

Tipo: Encontro
Data: 16/05/2017 - 09:00 a 17/05/2017 - 17:30
Período de inscrições: 07/03/2017 - 08:00 a 15/05/2017 - 23:00
Local: Centro de Convenções da UNICAMP
Realização:
Departamento de Psicologia Educacional (DEPE/FE-Unicamp), Departamento de Educação, Conhecimento, Linguagem e Arte (DELART/FE-Unicamp) e Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
Apoio:
CNPq e Serviço de Apoio ao Estudate (SAE-Unicamp)


Apresentação

Em sua primeira edição, o evento intitulado I Encontro Mídias, Infâncias e Diferenças: audiências e agências em foco busca criar espaços de discussão sobre possibilidades ativas para professores e crianças quanto à criação de conteúdos midiáticos/tecnológicos, reunindo diferentes pesquisadores da área e instituições que vêm desenvolvendo estudos nesse campo, ainda em formação. Na contramão de uma proposta gerada por concepções instrumentais/tecnicistas e imediatistas sobre o saber/fazer docente e das crianças, assim como sobre as mídias - onde a governamentalidade, no dizer foucaultiano, é matriz central e referencial das propostas de desenvolvimento de “materiais instrucionais” ou das “tecnologias assistivas”,  por exemplo - o evento procura oportunizar a compreensão de forma mais aprofundada sobre os múltiplos impactos subjetivos nas culturas infantis, assim como a constituição da profissionalidade docente nesse contexto, na tentativa de viabilizar a abertura de um maior protagonismo adulto e infantil, num cenário de consumo de mídias/tecnologias “prontas” que se encontra, via de regra, sendo gestado por grandes empresas, corporações e pelas maiorias culturais/linguísticas. Obviamente, tais instituições não podem refletir as concepções, desejos e a autonomia dos partícipes dos processos educativos (por exemplo, softwares, aplicativos, sites, entre outros objetos digitais, desenvolvidos PARA o professor e PARA as crianças e não concebidos/realizados POR/COM o professor e POR/COM as crianças).

Inscrições de trabalhos

Serão aceitas propostas de trabalho para apresentação em forma de pôster. Para submeter a sua proposta, é necessário preencher o formulário de submissão disponível em https://goo.gl/forms/1JMPtW9lZcBWd8LE3
O prazo para envio das propostas encerra-se em 06 de abril de 2017 e o resultado dos trabalhos selecionados será divulgado no dia 27 de abril de 2017.

Programação

16 de maio de 2017 (Terça-feira)
Centro de Convenções da Unicamp (Auditório)

9:00 h - Abertura
9h30 – 11:30h: Conferência “Mídias e Infâncias em debate”
Maria Luiza Belloni/ UFSC
Thaís Dantas (Instituto Alana)
Coordenação: Heloísa A. Matos Lins (DEPE/ FE/UNICAMP)

11h45 – 12:30h: Sessão de Pôsteres
14h – 16h30
Mesa #1: A imprescindível presença do outro na relação do sujeito com a tecnologia na escola
Deborah Christina Lopes Costa/ Rede municipal de Campinas/SP
Mariana de Lima Isaac Leandro Campos - UFSCar

Mediação: Profa. Regina Maria de Souza (DEPE – FE/UNICAMP) e Profa. Dra. Lilian Nascimento (DEPE – FE/UNICAMP)
16h30 - Intervalo
16h45 – 17:30h: Sessão de Pôsteres
17 de maio de 2017 (Quarta-Fera)
Centro de Convenções da Unicamp (Auditório)

9h – 11:30h
Mesa # 2 Os cegos, a democratização do audiovisual e os desafios da audiodescrição
Eliana Paes Cardoso Franco (UFBA)
Margareth de Oliveira Olegario (IBC/ UNIRIO)

Mediação: Prof. Dr. Carlos Miranda (DELART – FE/UNICAMP)
11h45 às 12h30: Sessão de Pôsteres
14h – 16:30h
Mesa # 3 Linguagem, tecnologia e diversidade
Fernanda Liberali (PUCSP)
Aryane Nogueira (DEPE/FE/Unicamp)

Mediação: Profa. Dra. Cláudia Hilsdorf Rocha (IEL – Depto. Linguística/UNICAMP) e Profa. Ms. Janaína Cabello (CECH – Dep. de Psicologia/ UFSCar)
16h30 - Intervalo
16h45 – 17:15h: Sessão de Pôsteres

quinta-feira, 23 de março de 2017

Seminário - Grupo de Pesquisa ALLE/AULA - Alfabetização, Leitura, Escrita e Trabalho Docente na Formação Inicial: contribuições de pesquisa

Tipo: Seminário
Data: 25/04/2017 - 08:30 a 20:30
Período de inscrições: 02/03/2017 - 08:30 a 24/04/2017 - 23:00
Local: Salão Nobre (1º andar, bloco E)
Realização: Grupo de Pesquisa Alfabetização, Leitura, Escrita e Trabalho (ALLE-AULA/FE-Unicamp)

 

Programação

8:30 - Recepção dos inscritos
9:00 às 9:30 - Abertura
Profa. Dra. Lilian Lopes Martin da Silva
Profa. Dra. Ana Lúcia Guedes-Pinto
9:30 às 10:15 - 'Chiquititos pero cumpridores': o texto curto como proposta de leitura
Prof. Dr. Ezequiel Theodoro da Silva
Coordenação da mesa: Norma Sandra de Almeida Ferreira
10:15 às 10:45 - Intervalo
10: 45 às  11:30 - Midias, infâncias e diferenças: contribuições de pesquisa
Profa. Dra. Heloisa A. de Matos Lins
14:00 às 14:45 - Afetividade e práticas pedagógicas: contribuições de pesquisa
Prof. Dr. Sérgio A. Silva Leite
14:45 às 15:15 - Intervalo
15:15 às  16:00 - Práticas de leitura e de escrita na formação inicial dos professores: contribuições de pesquisa 
Prof.ª Dr.ª Ana Lúcia Guedes-Pinto
Coordenação da mesa: Norma Sandra de Almeida Ferreira
16:00 - Seção de lançamentos
Livro "Reflexões sobre leitura  via tirinhas de jornal"
Prof. Dr. Ezequiel Theodoro da Silva
Livro: “Um estudo sobre Versos para os pequeninos, um manuscrito de João Köpke”
Profa. Dra. Norma Sandra de Almeida Ferreira
Coordenação da mesa: Norma Sandra de Almeida Ferreira
19:00 às 19:45 -  Palestra: Práticas de alfabetização, leitura e escrita na escola básica: contribuições de pesquisa
Profa. Dra. Cláudia B. C. Nascimento Ometto
19:45 às 20:30 - Palestra: Leitura e a escrita em tempos de práticas multimodais: contribuições de pesquisa
Profa. Dra. Aryane Santos Nogueira
Coordenação da mesa: Norma Sandra de Almeida Ferreira
21:00 - Encerramento

quarta-feira, 22 de março de 2017

Lançamento de Livro - Teoria Geral do Direito e o marxismo e ensaios escolhidos (1921-1929)

Tipo: Lançamento de Livro
Data: 19/04/2017 - 19:00 a 22:00
Período de inscrições: 15/03/2017 - 08:00 a 18/04/2017 - 23:00
Local: Salão Nobre (1º andar, bloco E)
Convidados:
  • Prof. Dr. Márcio Naves (IFCH)
  • Prof. Dr. Marcus Orione (FDUSP - Faculdade de Direito da USP)
  • Pablo Biondi (Doutor em direito - FDUSP)
Realização:
Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação e Diferenciação Sociocultural (GEPEDISC/FE-Unicamp), Cemarx (IFCH-Unicamp)
Debatedores
Prof. Dr. Sávio Cavalcanti (IFCH)
Profa. Dra. Carolina Catini (FE/Unicamp)

terça-feira, 21 de março de 2017

Lançamento de Livro - Educação e Migrações Internas e Internacionais: um diálogo necessário


Tipo: Lançamento de Livro
Data: 05/04/2017 - 17:00 a 19:00
Local: Salão Nobre (1º andar, bloco E)
Convidados:
  • Profa. Dra. Debora Mazza
  • Katia Cristina Norões
Realização:
Departamento de Ciências Sociais na Educação (DECISE/FE-Unicamp)

Sinopse

Esta obra oferece ao leitor reflexões e análises referentes à imigração internacional e à educação desde o final do século XIX, passando pelas migrações internas no século XX, até os movimentos migratórios recentes no país e o debate da inserção educacional e sociocultural. A obra visa construir a interface entre os processos migratórios e a problemática educacional revelando origens, relações culturais, vínculos parentais, memórias, circulação e fronteiras cruzadas que, muitas vezes, são secundarizadas pelas estruturas rígidas do processo de escolarização.

Organizadoras

Profa. Dra. Debora Mazza
Katia Cristina Norões

segunda-feira, 20 de março de 2017

Seminário: Educação Infantil em Creches: uma história de luta das mulheres

Tipo: Seminário
Data: 04/04/2017 - 14:00 a 22:00
Período de inscrições:
01/03/2017 - 08:00 a 03/04/2017 - 23:00
Local:
Salão Nobre (1º andar, bloco E)
Convidados:
  • Tânia Corrallo Hammoud (Psicóloga e psicanalista, integrante do Movimento de Luta por Creche 1979-1984)
  • Darci Terezinha De Luca Scavone (Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de São Paulo)
  • Maria Amélia de Almeida Teles (Professora Especialista Visitante FE-Unicamp)
  • Adriana Alves Silva (UDESC/ Prefeitura Municipal de Florianópolis)
  • Flávio Santiago (Doutorando em Educação FE-Unicamp)
Realização:
Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação e Diferenciação Sociocultural - Linha Culturas Infantis (GEPEDISC/FE-Unicamp)
Apoio:
Coordenação do curso de Pedagogia (FE-Unicamp), Programa de Pós-graduação em Educação (FE-Unicamp) e Pró-reitoria de Graduação da Unicamp

Programação

14h- 18h | Mesa 1 : Creche como um direito das crianças pequenas, ainda é uma luta das mulheres!
Convidadas
Tânia Corrallo Hammoud (Psicóloga e psicanalista , integrante do Movimento de Luta por Creche 1979-1984)
Darci Terezinha De Luca Scavone (Secretaria de Educação da  Prefeitura Municipal de São Paulo)
Coordenação
Maria Amélia de Almeida Teles (Professora Especialista Visitante FE-UNICAMP)
19h -22h | Mesa 2: Maternidade, Feminismo e Creche: Desafios para uma educação descolonizadora!
Convidadas
Adriana Alves Silva (UDESC/ Prefeitura Municipal de Florianópolis )
Maria Amélia de Almeida Teles (Professora Especialista Visitante FE-UNICAMP)
Coordenação
Flávio Santiago ( Doutorando em Educação – Faculdade de Educação/ UNICAMP)

domingo, 19 de março de 2017

II Seminário Golpe, Ditadura e Educação

Tipo: Seminário
Data: 31/03/2017 - 09:00 a 22:00
Período de inscrições: 14/03/2017 - 08:00 a 30/03/2017 - 23:00
Local: Salão Nobre (1º andar, bloco E)
Realização:
Departamento de Ciências Sociais na Educação (DECISE/FE-Unicamp), Departamento de Políticas, Administração e Sistemas Educacionais (DEPASE/FE-Unicamp), GEPEJA e GPPES (FE-Unicamp)
Apoio:
Faculdade de Educação da Unicamp

 

Programação

9 h – Mesa de Abertura
Profa. Dra. Dirce Zan - Diretora da FE/Unicamp
Profa. Dra. Mara Jacomelli - Coordenadora de Pós-graduação da FE/ UNICAMP
Profas. Dras. Débora Jeffrey e Ana Elisa S. Q. Assis – Coordenadoras da Pedagogia - FE/UNICAMP
Profas. Dras. Alexandrina Monteiro e Gabriela Tebet – Coordenadoras das Licenciaturas – FE/UNICAMP
9h30 – “O Golpe de 1937: Discursos políticos e o Plano Nacional de Educação"
Prof. Dr. José Carlos Souza Araújo – UFU
Mediação – Profa. Dra. Betânia de Oliveira Ribeiro Laterza – FACIP/UFU
12 h – Intervalo para almoço
14 h – “O Golpe de 1964"
O golpe que marcou a ferro uma geração
Barnabé Medeiros Filho
A violência é o diálogo
Profa. Dra. Maria Ribeiro do Valle – UNESP/Araraquara
Mediação – Prof. Dr. José Claudinei Lombardi – FE/UNICAMP
17 h – Café com prosa, livros e conversa com autores
19 h e 30m – “O Golpe de 2016”
Profa. Dra. Ângela Maria Carneiro Araújo – IFCH/UNICAMP
Profa. Dra. Maria Amélia de Almeida Teles – Ex-presa política da ditadura brasileira e militante feminista. Professora convidada da FE/UNICAMP
Mediação: Profas. Dras. Débora Mazza e Nima I. Spigolon – FE/UNICAMP
22h – Encerrramento

sábado, 18 de março de 2017

Lançamento de Livro - Produção do conhecimento em educação física no nordeste brasileiro

Tipo: Lançamento de Livro
Data: 30/03/2017 - 17:00 a 19:00
Período de inscrições: 15/03/2017 - 08:00 a 29/03/2017 - 23:00
Local: Sala da Defesa (1º andar, bloco A)
Convidados:
  • Profa. Dra. Joelma Albuquerque (UFAL)
  • Profa. Dra. Katia de Sá (UCS)
  • Prof. Dr. Edson Marcelo Hungaro (UnB)
  • Prof. Dr. Adolfo Ramos Lamar (FURB)
  • Prof. Dr. Marcelo Donizete da Silva (UFOP)
Realização:
Grupo de Estudos e Pesquisas em Filosofia da Educação (PAIDEIA/FE-Unicamp)

 

Produção do conhecimento em educação física no nordeste brasileiro: o impacto dos sistemas de pós-graduação 

Organizadores: CHAVES-GAMBOA, M; SÁNCHEZ GAMBOA, S. TAFFAREL C.
Resultado do projeto temático Epistefnordeste, financiado pela FAPESP.
O livro se propõe divulgar os resultados finais do Projeto Temático, “PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO EM EDUCAÇÃO FÍSICA: impacto do sistema de pós-graduação das regiões sul e sudeste do Brasil na formação e produção de mestres e doutores que atuam nas instituições de ensino superior da região nordeste”, desenvolvida no Grupo Paideia da Faculdade de Educação, da Universidade Estadual de Campinas - Unicamp, com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - FAPESP (proc. 2012/50019-7).
A pesquisa foi realizada no período de julho de 2012 a abril de 2016 com a participação de 79 pesquisadores distribuídos nos nove estados do Nordeste (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe) e nas universidades colaboradoras do Sul e Sudeste: Universidade Estadual de Campinas - Unicamp, Universidade de São Paulo - USP, Universidade Federal de São Carlos - UFSCar e Fundação Universidade Regional de Blumenau - FURB.
As análises, discussões e interpretações dos resultados da pesquisa coletiva foram apresentadas no Seminário final do projeto, realizado na Universidade Federal da Bahia em dezembro de 2015. As principais comunicações do seminário foram selecionadas para compor este livro que conta a participação de 45 autores, distribuídos em 17 capítulos, que desenvolvem as temáticas gerais do projeto e apresentam especificamente os resultados da pesquisa em cada um dos nove estados.

sexta-feira, 17 de março de 2017

A Revista Linha Mestra Nº 31 está no ar!



EDITORIAL
Revista Linha Mestra – Ano XI. No. 31 (jan.abr.2017). ISSN: 1980-9026
Marcus Novaes
Alik Wunder
A linha corre, ela traça, faz paisagens, deseja saída, mas é a própria vida que em sua potência de prosperar vive, inventa suas bordas…
(Maria dos Remédios de Brito)*
A revista Linha Mestra 31 traz uma série de textos de docentes e pesquisadores, em sua maioria vinculados a universidades da região centro-oeste do Brasil, que buscam ensaiar linhas de escrita, de visualidade e de vida por meio de ensaios e relatos de experiência para apontar outros territórios que ainda precisam ser encontrados, construídos ou mesmo, inventados.
Trata-se de um dossiê organizado pelas professoras Renata Ferreira da Silva (UFT), Amanda Mauricio Pereira Leite (UFT) e Maria dos Remédios de Brito (UFPA) que apaixonadamente assumiram a tarefa de reunir textos que levantassem uma dupla implicância à escrita: a necessidade de compartilhar e, assim, dar a ver e sentir o trabalho produzido pelos autores presentes neste número da revista, e a necessidade de, ao os reunir, possibilitar que suas escritas entrelaçassem novas tramas e problematizações aos leitores possibilitando aberturas e intensificações de pontos de vista.
Convidamos a todos que também se deixem afetar pelo pathos dessas escritas-vida e, assim, possam se entregar, tatear novas bordas e inventar outros territórios no encontro com a leitura.
BRITO, M. R. Um sopro de vida (pulsações): rosto, morte e escrita em Clarice Lispector. In: CHAGAS, S. M. e BRITO, M. R. (Org.). Formação, ciência e arte (autobiografia, arte e ciência na docência). São Paulo: Livraria da Física, 2016.

Comunicação - Trabalho, educação e imigração: constituição das escolas étnicas na Província do Paraná

Tipo: Comunicação
Data: 30/03/2017 - 16:00 a 18:30
Período de inscrições: 15/03/2017 - 08:00 a 29/03/2017 - 23:00
Local: Sala ED 16 - FE-Unicamp
Convidados:
  • Profª Drª Vera Lucia Martiniak (UEPG)
Realização:
HISTEDBR - Grupo de Estudos e Pesquisas "História, Sociedade e Educação no Brasil"
Profª Drª  Vera Lucia Martiniak

É bacharel em Comunicação Social e licenciada em Pedagogia pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, doutora em Educação, na linha de concentração História, Filosofia e Educação pela Universidade Estadual de Campinas-UNICAMP. É professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação, Mestrado e Doutorado, da UEPG na linha de História e Políticas Educacionais. Suas pesquisas centram-se nos seguintes temas: história da educação, história das instituições escolares e formação continuada de professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental. 

terça-feira, 7 de março de 2017

Seminário: Docente na Formação Inicial: contribuições de pesquisa.

Tipo: Seminário

Data: 25/04/2017 - 08:30 a 20:30

Período de inscrições: 02/03/2017 - 08:30 a 24/04/2017 - 23:00

Local: Salão Nobre (1º andar, bloco E)

Realização: Grupo de Pesquisa Alfabetização, Leitura, Escrita e Trabalho (ALLE-AULA/FE-Unicamp)


Programação

8:30 - Recepção dos inscritos

9:00 às 9:30 - Abertura
Profa. Dra. Lilian Lopes Martin da Silva
Profa. Dra. Ana Lúcia Guedes-Pinto

9:30 às 10:15 - 'Chiquititos pero cumpridores': o texto curto como proposta de leitura
Prof. Dr. Ezequiel Theodoro da Silva

10:15 às 10:45 - Intervalo

10: 45 às 11:30 - Midias, infâncias e diferenças: contribuições de pesquisa
Profa. Dra. Heloisa A. de Matos Lins

14:00 às 14:45 - Afetividade e práticas pedagógicas: contribuições de pesquisa
Prof. Dr. Sérgio A. Silva Leite

14:45 às 15:15 - Intervalo

15:15 às 16:00 - Práticas de leitura e de escrita na formação inicial dos professores: contribuições de pesquisa
Prof.ª Dr.ª Ana Lúcia Guedes-Pinto

16:00 - Seção de lançamentos
Livro "Reflexões sobre leitura via tirinhas de jornal"
Prof. Dr. Ezequiel Theodoro da Silva

Livro: “Um estudo sobre Versos para os pequeninos, um manuscrito de João Köpke”
Profa. Dra. Norma Sandra de Almeida Ferreira

19:00 às 19:45 - Palestra: Práticas de alfabetização, leitura e escrita na escola básica: contribuições de pesquisa
Profa. Dra. Cláudia B. C. Nascimento Ometto

19:45 às 20:30 - Palestra: Leitura e a escrita em tempos de práticas multimodais: contribuições de pesquisa
Profa. Dra. Aryane Santos Nogueira

21:00 - Encerramento

segunda-feira, 6 de março de 2017

Simpósio Nacional por uma escola inovadora e inclusiva.


Tipo: Simpósio

Data: 13/04/2017 - 15:00 a 16/04/2017 - 12:20

Período de inscrições: 11/01/2017 - 08:00 a 01/03/2017 - 23:00

Local: Espaço Cultural da Urca, Poços de Caldas - MG

Realização: Universidade Federal de Alfenas e Laboratório de Estudos e Pesquisas em Aprendizagem e Inclusão (LEPAI)

Apoio: Faculdade de Educação da Unicamp

Inscrições: http://lepaicontato.wixsite.com/simposio

A geração do século XXI nos desafia a nos debruçarmos por uma escola inovadora e inclusiva. Uma escola que supere a tradição de um ensino aprisionador, de um ensino focado no rito da memorização, repetição e fixação. Uma escola que seja muito mais um espaço de aprendizagens diversas constituído na autonomia, na liberdade, na esperança e na inclusão de todos.

domingo, 5 de março de 2017

XIX Congresso Mundial de Educadores e Educadoras Sociais.

Tipo: Congresso
Data: 10/04/2017 - 08:00 a 12/04/2017 - 18:00
Período de inscrições: 01/12/2016 - 08:00 a 09/04/2017 - 23:00
Local: Centro de Convenções da Unicamp
Realização: Associação dos Educadores e Educadoras Sociais do Estado de São Paulo (AEESSP)
Apoio:
Faculdade de Educação da Unicamp
A Associação dos Educadores e Educadoras Sociais do Estado de São Paulo – AEESSP organizará, na UNICAMP – Universidade Estadual de Campinas, em abril de 2017, de 10 a 12, o XIX Congresso Mundial de Educador@s Sociais, como continuidade da série de congressos promovidos pela Associação Internacional de Educadores Sociais – AIEJI por meio de suas associações afiliadas.


Este será um momento estratégico para que educadores/as sociais do Brasil e da América Latina se (re)encontrem com colegas das demais regiões do mundo para debater os rumos de uma profissão e de um campo de pesquisas, de educação e de práticas voltadas à construção de uma sociedade mais justa e igualitária. Em um contexto em que mundialmente somos empurrados para uma reflexão crítica que busque aprofundar os fundamentos éticos, teóricos e metodológicos de um fazer que necessita se redefinir, em função da transição que atravessa a contemporaneidade, este congresso será a oportunidade de reunir alguns dos mais expressivos pensadores da educação social, educação popular e educação não formal com agentes dos processos cotidianos de transformação social que, atuando nas fissuras do sistema, constróem estratégias de sobrevivência e resistência para aqueles que são incluídos à margem do sistema econômico dominante.

O educador social está hoje atuando nas mais variadas áreas, desde atividades de arte-educação em entidades assistenciais e de cultura, até ações diretas de prevenção em saúde, tais como agentes comunitários de saúde e redutores de danos, como ainda na educação de jovens e adultos, atividades de lazer para crianças e terceira idade, trabalho com saúde mental e ações comunitárias junto a remanescentes de quilombos, comunidades ribeirinhas, assentamentos rurais e movimentos populares, entre outros. Têm diversos perfis profissionais ou áreas de atuação, passando por monitores e cuidadores, arte-educadores, agentes sociais de saúde, educação e cultura, lideranças comunitárias e militantes de movimentos sociais. Todos eles têm em comum o trabalho com grupos comunitários em que as relações sociais demandam uma intervenção que vise a melhora da qualidade de vida.

Nestes próximos anos, em torno do congresso de 2017, o Brasil – assim como diversos outros países da América Latina, áfrica e Europa, principalmente – estará envolvido com aspectos legais e organizacionais do processo de estruturação do Educador Social como profissional, incluindo sua formação, o processo de escolarização e a regulamentação de sua profissão. Esta será uma arena em que disputas conceituais se misturarão a questões de mercado de trabalho e de formação, com impactos significantes na estruturação de currículos e carreiras acadêmicas, assim como no delineamento das políticas sociais básicas em que este profissional atue.

É neste contexto que a organização do XIX Congresso Mundial de Educador@s Sociais reunirá de 600 a 800 educadores e educadoras sociais do Brasil e diversos outros países e produzirá seus debates que, certamente, impactarão o futuro dos educadores e educadoras sociais do Brasil e do mundo.

sexta-feira, 3 de março de 2017

Seminário "Bibliotecas, Acervos e Pesquisas"

Tipo: Seminário
Data:
20/03/2017 - 09:00 a 24/03/2017 - 17:00
Período de inscrições:
06/03/2017 - 08:30 a 17/03/2017 - 23:00
Local:
Auditório da Biblioteca Central "César Lattes" (Unicamp)
Realização:
Sistema de Bibliotecas da Unicamp, Arquivo Edgard Leuenroth (AEL/IFCH-Unicamp), Biblioteca Prof. Joel Martins (FE-Unicamp)


Programação

20 de março de 2017 (segunda-feira)
Abertura do evento
Auditório da Biblioteca Central César Lattes/Unicamp
9h15 – Mensagem de abertura
Regiâne Alcântara Bracchi (coordenadora - SBU/Unicamp)
André Luiz Paulilo (docente - FE/Unicamp)
Humberto Innarelli (Diretor Técnico - AEL/IFCH/Unicamp)
9h30 – Palestra “Resultado da coleta de fungos em livros em S. Luiz Paraitinga.” Pesquisa de doutorado de Fernanda M. Auada - IPEN
Palestrante: Fernanda M. Auada (Conservadora-restauradora e doutoranda no IPEN)
Coordenação da mesa: Heloísa Helena Pimenta Rocha (docente - FE/Unicamp)
10h15 – Perguntas
10h30 – Coffe break
11h00 – Palestra “O centro de documentação e as possibilidades de pesquisas: o caso do Arquivo Edgard Leuenroth”.  
Palestrante: Silvia Rosana Modena Martini (Supervisão de Processos Técnicos - AEL/Unicamp)
Coordenação da mesa: André Luiz Paulilo (docente - FE/Unicamp)
11h45 – Perguntas
12h00 – Encerramento da abertura
14h30 às 15h30 - Visita guiada, AEL/Unicamp

21 de março de 2017 (terça-feira)
9h às 12h - 14h às 17h
Oficina: Conservação em livros brochuras
Local: Arquivo Edgard Leuenroth /Unicamp
Responsável: Fernanda M. Auada
Vagas: 10
 
23 de março de 2017 (quinta-feira) – Turma 1
9h às 12 h - 14h às 17h
Oficina: Conservação de documentos gráficos
Local: Arquivo Edgard Leuenroth /Unicamp
Responsável: Fernanda M. Auada
Vagas: 10
24 de março de 2017 (sexta-feira) – Turma 2
9h às 12 h - 14h às 17h 
Oficina: Conservação de documentos gráficos
Local: Arquivo Edgard Leuenroth /Unicamp
Responsável: Fernanda M. Auada
Vagas: 10