sábado, 31 de janeiro de 2015

Canada International Conference on Education (CICE-2015)




Onde: Toronto, no Canadá
Quando: de 22 a 25 de junho de 2015
Prazo para envio de propostas de workshops e pôsteres: 15 de fevereiro de 2015
Saiba mais: http://www.ciceducation.org/

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

CURSO DE EXTENSÃO


Planejamento e gestão na escola pública
Inscrições de 01 de fevereiro a 06 de março de 2015
Carga horária: 40 horas
Período: março a julho de 2015
Horário: sextas das 14h às 18h
Local: Faculdade de Educação (FE/Unicamp)
Mais informações: http://www.fe.unicamp.br/servicos/eventos/2015/ext_depase.pdf

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

4º Congresso Ibero-Americano em Investigação Qualitativa e ao 6º Simpósio Internacional de Comunicação e Educação


A Comissão Organizadora do CIAIQ2015 convida a comunidade a submeter propostas ao 4º Congresso Ibero-Americano em Investigação Qualitativa e ao 6º Simpósio Internacional de Comunicação e Educação, a realizar em Aracaju (Brasil), nas instalações da Universidade Tiradentes, nos dias 5, 6 e 7 de agosto de 2015. Os autores poderão submeter propostas de apresentação de trabalhos que se enquadrem nos objetivos e nas temáticas do Congresso, nomeadamente artigos científicos originais abordando revisões do estado da arte e novas perspetivas de investigação, soluções e/ou aplicações para problemas reais, trabalhos empíricos e/ou de avaliação, entre outros.

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

V SEB - SEMINÁRIO DE EDUCAÇÃO BRASILEIRA EVENTO ADIADO PARA JUNHO/15

COMUNICADO URGENTE: MUDANÇA DE DATA DO V SEB
Com o intuito de mantermos a qualidade acadêmica que tem caracterizado os Seminários do CEDES, a Comissão Organizadora informa que o V Seminário da Educação Brasileira “Mudanças Atuais na Sociedade Brasileira e o Sistema Nacional de Educação: Qualidade da Educação Pública como Direito Humano” foi transferido para o período de 15 a 17 de junho de 2015.
Esta decisão se fez necessária considerando a proximidade da data inicialmente prevista e as alterações institucionais decorrentes das recentes mudanças nos governos, influenciando os prazos tanto para divulgação dos resultados às solicitações de apoio financeiro, quanto para a efetivação de inscrições institucionais.
Sendo assim, COMUNICAMOS aos inscritos que NÃO puderem manter sua participação em decorrência da mudança de data, contatem a Organização doVSEB pelo e-mail cancelamentovseb@gmail.com ATÉ a data limite de 04 deFEVEREIRO de 2015, SOLICITANDO RESSARCIMENTO DO VALOR pago, informando: nome completo, CPF e dados bancários do inscrito. 
Agradecendo sua compreensão e lamentando eventuais transtornos, colocamo-nos à disposição para quaisquer esclarecimentos pelo e-mail vseb@gmail.com.
Profa. Dra. Ivany Rodrigues Pino
Presidente do CEDES e Coordenadora do V SEB
Profa. Dra. Theresa Adrião
Coordenadora do V SEB

Mudanças atuais na sociedade brasileira e o Sistema Nacional de Educação: Qualidade da educação pública como direito humano
Mais informações:http://cedes.preface.com.br/items/items/view/full_event/27/seb
Realização: CEDES-Unicamp

VIII Seminário Internacional - AS REDES EDUCATIVAS E AS TECNOLOGIAS: MOVIMENTOS SOCIAIS E EDUCAÇÃO

DESDE LOGO é preciso demarcar nosso entendimento sobre o que são movimentos sociais.
Nós os encaramos como ações sociais coletivas de caráter sócio-político e cultural que viabilizam formas distintas de a população se organizar e expressar suas demandas (CF. GOHN, 2008).
Na ação concreta, essas formas adotam diferentes estratégias que variam da simples denúncia, passando pela pressão direta (mobilizações, marchas, concentrações, passeatas, distúrbios à ordem constituída, atos de desobediência civil, negociações, etc.) até pressões indiretas.
Na atualidade, os principais movimentos sociais atuam por meio de redes sociais, locais, regionais, nacionais e internacionais ou transnacionais, e utilizam-se muito dos novos meios de comunicação e informação como a internet. Por isso exercitam o que Habermas denominou de o agir comunicativo. A criação e o desenvolvimento de novos saberes, na atualidade, são também produtos dessa comunicabilidade (GOHN, 2011, P. 335-336)

Estão abertas as inscrições para o nosso “VIII Seminário Internacional As Redes Educativas e as Tecnologias: movimentos sociais e educação”. O evento acontecerá na UERJ de 08 a 11 de junho de 2015. O envio de trabalhos poderá ser realizado até 13 de abril de 2015.

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Lançamento de livro: Profundanças

Antologia literária e fotográfica organizada por mulheres
é disponibilizada para download gratuito

            Democratizar o acesso à literatura. Conferir visibilidade à escrita de mulheres. Eis os principais objetivos da ação cultural intitulada Profundanças. Dessa ação coletiva surgiu uma antologia literária e fotográfica, a qual está disponível para download gratuito, por tempo indeterminado, a partir do site www.vooaudiovisual.com.br. A antologia, que foi lançada virtualmente no dia 06 de dezembro de 2014, inaugura a linha de publicações da produtora baiana Voo Audiovisual, cuja atuação tem se dado no campo da produção cinematográfica.
            Profundanças (antologia literária e fotográfica) já nasceu como projeto colaborativo e sem fins lucrativos. Organizada pela poeta e professora da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Daniela Galdino, a antologia reúne treze autoras inéditas ou com apenas um livro, além de quatorze fotógrafas/os. Como resultado tem-se uma publicação múltipla, com colaboradoras/es da Bahia, de Pernambuco e São Paulo. Reside aí outro aspecto positivo: o entrecruzamento de dicções e olhares vários. O livro traz poemas, contos e crônicas, além de treze ensaios fotográficos.
            A intencionalidade do projeto é conferir visibilidade às produções que encenam outros lugares para os corpos de mulheres, ou seja, formas sensíveis de autorrepresentação. Conhecendo de perto a escrita dessas mulheres e com a ânsia de ampliar as possibilidades de interações, a organizadora, a partir das experiências de deslocamentos geográficos realizados nos últimos três anos, amadureceu a ideia de organizar uma antologia que trouxesse à tona o que se chama de “cadeia ininterrupta de insurgências” (para usar uma expressão da crítica indiana Gayatri Spivak). O lugar ocupado pela literatura na vida das autoras que participam do projeto é imenso: forma de sobrevivência(s), contragolpes certeiros, antídoto ao desencanto.
Como a literatura sempre se abre a outras possibilidades de diálogo, veio a necessidade de inserir o trabalho de jovens fotógrafas/oss sensíveis às formas de resistência feminina. Portanto, para cada autora convidada tem-se um/a fotógrafo/a que produziu um ensaio cujo foco é a revelação da presença de mulheres nos seus espaços de origem/atuação. A atmosfera de cada ensaio foi de livre criação da/o fotógrafa/o correspondente, sendo que o conjunto de imagens refuta a visualidade hegemônica que transforma os corpos femininos em produtos para consumo pré-determinado.
Toda a ação colaborativa relacionada à antologia Profundanças tem se dado a partir da internet, especialmente das redes sociais, com experiências alternativas de divulgação literária. Com isso, o grupo se lança ao desafio de burlar as barreiras impostas pelas dinâmicas do mercado editorial, priorizando as possibilidades de interação com leitoras/es. A articulação junto a coletivos de artistas, mediadores da leitura literária e seguidores das redes sociais tem se apresentado como a forma mais viável para atingir círculos amplos de interlocutores.
Por tais características Profundanças, mais do que um livro, é um chamamento à ciranda cultural, com todas as diferenças que aí residem e flutuam. E como bem observa a cirandeira pernambucana Lia de Itamaracá, “não se pode dançar ciranda sozinho”. Portanto, Profundanças requisita o senso de coletividade na criação artística e nas produções culturais, como forma alternativa de inserção no campo literário.



sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Boas Festas!!!



Com as palavras do poeta, que neste ano alçou voo, desejamos a todos(as) um final de ano de bons encontros e que em 2015 estejamos sempre atentos às vozes de fazer nascimentos e aos bons delírios da palavra.

No descomeço era o verbo.
Só depois é que veio o delírio do verbo.
O delírio do verbo estava no começo, lá
onde a criança diz: Eu escuto a cor dos
passarinhos.
A criança não sabe que o verbo escutar não
funciona para cor, mas para som.
Então se a criança muda a função de um
verbo, ele delira.
E pois.
Em poesia que é voz de poeta, que é a voz
de fazer nascimentos —
O verbo tem que pegar delírio.
Manoel de Barros
Uma didática da invenção VII - Livro das Ignorãças

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Revista Virtual Linha Mestra nº 25

Acessem a Revista Virtual Linha Mestra nº 25, com as comunicações apresentadas no 7º Seminário "O Professor e a Leitura do Jornal". 
Uma publicação da ALB - Associação de Leitura do Brasil
http://linhamestra25.wordpress.com/


Ensaio fotográfico “Papelar”
Marli Wunder e Susana Oliveira Dias

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Informes da 37ª Reunião Nacional da ANPEd - 2015

Prezado/a Associado/a
A diretoria da ANPEd retoma o contato para informar os encaminhamentos relativos à 37ª Reunião Nacional. Como definido em assembleia estatutária de 2012, as Reuniões Nacionais passaram a ocorrer em caráter bienal a partir do último encontro, realizado na Universidade Federal de Goiás - UFG, em 2013. A decisão de realizar as reuniões itinerantes foi orientada pela necessidade de contribuir para o fortalecimento da pós-graduação em Educação em todas as regiões do Brasil.
A 37ª Reunião Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação irá realizar-se entre os dias 04 e 08 de outubro de 2015, na Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC, Campus Florianópolis e terá como tema "Plano Nacional de Educação: tensões e perspectivas para a educação pública brasileira". Além de pautar atividades do encontro, como a conferência de abertura e sessões especiais, o assunto evidencia a urgência de se aprofundar a discussão sobre aprovação do PNE (2014-2024). A conferência de abertura será proferida pelo Prof. Dr. Luiz Fernandes Dourado (UFG), que atualmente compõe a Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação.
A realização do evento no sul do país demonstra a preocupação na continuidade de uma descentralização empreendida nos últimos anos: Natal (RN), em 2011, Porto de Galinhas (PE), em 2012, e Goiânia (GO), em 2013.
Em função do caráter bianual do evento foi realizada reunião conjunta entre diretoria, coordenações do Forpred Nacional e Regionais, Comitê Científico e Grupos de Trabalho, em agosto de 2014, no Rio de Janeiro. Nesta reunião foi aprovada a programação geral da 37ª Reunião Nacional com a duração de cinco dias de evento (domingo a quinta). Também foi aprovada a proposta da diretoria de ampliar para 24 trabalhos a serem apresentados em cada GT, incluindo o trabalho encomendado.
O período para submissão de texto/proposta para a 37ª Reunião Nacional terá início em 09 de fevereiro de 2015 e encerrará em 23 de março. O boleto para pagamento da anuidade, com vencimento para 06 de fevereiro foi encaminhado, pelo correio, para todos os associados que pagaram a anuidade de 2013 e/ou 2014. A segunda via do boleto estará disponível a partir de 28 de janeiro em seu cadastro pessoal no portal da ANPEd, após retorno das férias coletivas da Secretaria. Somente os associados quites com a anuidade de 2015 podem submeter textos nas categorias trabalho, pôster ou minicurso. A agenda de 2015 e as regras de submissão de textos da 37ª. Reunião Nacional encontram-se disponíveis no portal da ANPEd, aba 37ª Reunião Nacional.
Cabe lembrar que pelo quarto ano consecutivo o valor da anuidade encontra-se congelado, decisão política desta diretoria para permitir que mais pesquisadores possam participar ativamente da vida de nossa Associação, usufruindo de todos os benefícios e direitos como associados.
A página da 37ª Reunião Nacional está em construção e em breve poderá ser acessada no portal da ANPEd.
Sua participação é muito importante para melhoria e fortalecimento da nossa associação.
Desejamos a você excelentes festas de final de ano e um feliz 2015!
A Diretoria

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

5º CONGRESSO DA SOFELP: SOCIEDADE DE FILOSOFIA DA EDUCAÇÃO DE LÍNGUA PORTUGUESA.
LOCAL: UNICAMP - Campinas, S. P.
DATAS: 26 a 28 de AGOSTO DE 2015.
PROMOÇÃO: SOFELP, FACULDADE DE EDUCAÇÃO DA UNICAMP E PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UNINOVE.

TEMA GERAL: O PAPEL FORMATIVO DA FILOSOFIA.

Para informações, visite a página do evento: http://www.fe.unicamp.br/sofelp/

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Coleção Hilário Fracalanza, (Leitura literária e mediação)


Acabar de sair mais um livro da Coleção Hilário Fracalanza, (Leitura literária e mediação), o mesmo encontra-se disponível para venda na livraria da ALB: alb.com.br/livraria
Promoção de lançamento.

A experiência de leitura do professor tem sido percebida pelos estudiosos do processo de ensino-aprendizagem da leitura como um componente imprescindível na formação profissional docente e no trabalho desenvolvido em sala de aula. Para se pensar sobre a mediação leitora é fundamental, portanto, não somente refletir sobre a formação do aluno e sobre o papel do mediador, mas também sobre as dimensões do ato de ler para o professor. Ressignificar o ato da leitura, articulando-a tanto a diferentes modos de ler, à diversidade de gêneros literários, quanto às suas relações com as artes, ou ainda às especificidades dos espaços físicos (tais como a biblioteca pode ressituar alguns aspectos dessa prática bem como repensar perspectivas teóricas e metodológicas sobre a mediação leitora. É válido ressaltar que há diversos desafios que os professores enfrentam nas escolas públicas, os quais muitas vezes limitam um desenvolvimento inventivo de atividades de leitura: além de haver entraves materiais estruturais (falta de biblioteca adequada e espaços físicos precários das salas de aula), é constante o desafio de reinventar perspectivas para o trabalho com a leitura e com a palavra literária no ensino de modo a diálogá-las dom o universo plural dos alunos, leitores em formação. É bem verdade que, na grande maioria das escolas, os livros distribuídos pelo Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE) passam a compor e redimensionar os acervos escolares, o que pode ser um material bastante significativo para permitir o contato com obras diversas em atividades de formação do leitor.

Este livro reúne artigos de pesquisadores que participam como conferencistas, palestrantes e docentes dos cursos intensivos do I Encontro de Formação de Mediadores de Leitura. São abordadas, portanto, reflexões teóricas e perspectivas metodológicas para o trabalho com a formação do leitora tanto na sala de aula e em espaços públicos, tais como as bibliotecas, quanto na própria formação do professor.



Eliana Kefalás Oliveira

Giselly Lima de Moraes

Cristiane Marcela Pepe

sábado, 6 de dezembro de 2014

ENCONTRO


Formação de Professores e Programas Institucionais: Políticas Públicas em Contexto
Em 16 de dezembro de 2014, das 09h às 17h15, na FE-Unicamp
Programação e inscrições gratuitas: http://www.fe.unicamp.br/eventoCPFP2014/
Realização: PRG, CCG e CPFP/Unicamp
Apoio: FE-Unicamp e (EA)²

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

POSICIONAMENTO CONTRÁRIO AO PROJETO DE LEI 8099/2014

A diretoria da ALB compartilha da posição contrária ao projeto de LEI 8099/2014, expressa em carta aberta pela  ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENSINO DE BIOLOGIA (SBENBIO) e a ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS
(ABRAPEC).



LANÇAMENTO DO LIVRO


O discurso do Althusser sobre educação e sua repercussão no Brasil
Convidada: Profa. Dra. Roselaine Bolognesi (Autora do Livro)
Em 11 de dezembro de 2014, das 17h às 19h, na Sala da Congregação da FE-Unicamp.
Inscrições gratuitas: http://www.fe.unicamp.br/dform/gera.php?form=althusser
Realização: Defhe FE-Unicamp e Senso/FE-Unicamp

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Liked · 22 hrs · 
 

Brasil | Festival de Cinema Itinerante

O evento, que acontece na cidade de Lisboa, em Portugal, entre os dias 8 e 15 de abril de 2015,
 recebe filmes dos nove membros da Comunidade de Países de Língua Portuguesa. O 6º FESTin 
tem inscrições abertas até 15 de dezembro.

+ info: http://bit.ly/1sYsE0g - ANCINE - Agência Nacional do Cinema